Três Ranchos - Goiás

Localização

Três Ranchos é um município brasileiro localizado no extremo sudeste do estado de Goiás, à margem direita do Rio Paranaíba, segundo o IBGE de 2010 possui uma população de 2.819 habitantes e está localizado a 297 km de Goiânia.

Sobre a Cidade

O documento mais antigo em que há citação ao nome de Três Ranchos data de 1876, uma procuração incluída no formal de partilha da Fazenda Fundo que, junto com as Fazendas Lagoa e Sacco, formariam o atual município.

Dessa época sobreviveram diversas velhas construções, como as sedes das fazendas e a Igreja de Nossa Senhora d'Abadia, hoje em ruínas. Uma referência mais antiga, da viagem de Auguste de Saint-Hilaire no final dos anos 1820, aponta para a "fazenda dos casados", um aglomerado de propriedades formado pelos filhos do primeiro proprietário, que iam se casando e construindo suas moradias próximas à do pai, que hoje localiza-se na fronteira entre os municípios de Catalão e Três Ranchos.

Três Ranchos foi estabelecido como distrito em 19 de dezembro de 1948 e emancipado do município de Catalão em 19 de outubro de 1953. A ata da sessão de instalação da primeira Câmara de Vereadores foi lavrada em 31 de janeiro de 1955.

O Rio Paranaíba foi muito importante para a história de Três Ranchos; primeiro pelas terras férteis que atraíram os primeiros fazendeiros, depois pelos portos e ainda depois pelo garimpo de diamantes, a partir da década de 1940.

A instalação de portos no município era facilitada pelo estreitamento do rio que acontecia na região. Os principais portos foram os da Praia Rica, o Mata-Padre e o Mão de Pau, este último foi, durante algumas décadas, o mais rendoso da província de Goiás. Mesmo com a construção de pontes, os portos continuaram possuindo grande importância econômica e política.

De forma similar, a ferrovia teve grande importância para a fixação da cidade. No decreto da instalação do Distrito de Três Ranchos, datado de 19 de dezembro de 1948, consta que a solenidade seria realizada na estação, provavelmente em razão de ser o único prédio público existente à época. O traçado da avenida principal iniciava nos arredores da estação e seguia o trajeto da via férrea: o relevo, conveniente tanto para as locomotivas quanto para outros veículos, recomendava que as duas estradas seguissem parelhas.

A Ferrovia

A chegada da ferrovia constituiu-se num grande propulsor da economia regional, pois possibilitava a vinda de insumos e ferramentas com mais quantidade, variedade e celeridade, assim como permitia o escoamento da produção de arroz, feijão, milho e da castanha de babaçu. Também o gado passou a ser transportado pela via férrea, com a vantagem de não perder peso, como quando tocado nas longas jornadas. Para a transposição do Rio Paranaíba foi construído uma ponte que, além dos trens, dava travessia aos pedestres, aumentando o intercâmbio entre as populações de Três Ranchos e dos municípios vizinhos no lado mineiro. Eram comuns as visitas aos parentes e amigos para transmitir as notícias "do outro lado", assim como fazia parte perguntar pelas novidades aos maquinistas e ferroviários envolvidos no trabalho da ferrovia, que também faziam o favor de trazer e levar recados, cartas e pequenas encomendas.

Por um longo tempo a economia da região vinculou-se às atividades agrícola e pecuária. A primeira tipicamente de subsistência, com pequenos excedentes, por causa da dificuldade de escoamento da produção. A criação de gado, por outro lado, em vista da pouca exigência de meios de transporte, foi atividade mais praticada, tanto para consumo próprio quanto para venda.

Hoje, graças ao reservatório da usina, a principal atividade econômica do município é o turismo, atraído pelas belas paisagens de cerrado, compreendido hoje entre a serra e o lago, que se aproxima bastante do núcleo urbano.

O município é procurado como importante destino turístico de Goiás, principalmente pelas paisagens criadas com o represamento do Rio Paranaíba.

Turismo

A predominância é de esportes náuticos e de aventura. Jet ski, lancha, wake-board, ski aquático, canoagem, natação, remo, hiatismo, vela, para-sail tudo ao seu alcance. É só chegar e entrar na onda.

  • Lago azul

Com um dos maiores lagos de água doce do país Três Ranchos conta com inúmeras paisagens de encher os olhos. Conhecida como a Angra do Cerrado, Três Ranchos atrai milhares de turistas todos os anos e sagra-se com uma excelente opção de lazer durante todo ano.

É de espantar. Só indo conhecer para se ter ideia do paraíso. Tudo isso atraiu centenas de investidores que preencheram as margens do lago com casas cinematográficas, algumas com mais de mil metros de área construída que vistas de perto são dignas de cartão postal. Para o turista, a cidade conta com um excelente parque hoteleiro.

Três hotéis a beira lago e várias outros dentro da cidade, além das casas de veraneio que em feriados prolongados são bastante procuradas.

  • Serra de Três Ranchos

Mirante-Cristo redentor com 13mt de altura, situado no topo da serra, a 839 metros de altitude do nível do mar e cercado por cerrado bastante preservado.

Onde hospedar?

Como chegar?

  • Expresso Araguari Ltda.

Galeria de Imagens

Fonte

http://www.ibge.gov.br/cidadesat/xtras/perfil.php?codmun=522130

http://ecoviagem.uol.com.br/brasil/goias/tres-ranchos/

http://pt.wikipedia.org/wiki/Tr%C3%AAs_Ranchos

http://viagemsemfrescura.blogspot.com.br/2012/03/tres-ranchos-go.html

http://www.ferias.tur.br/informacoes/2348/tres-ranchos-go.html

LiveZilla Live Help